sexta-feira, setembro 19, 2008

Outros Tempos

Paio Afonso ( Pondras ) - 23 Agosto 2008

O arranque da batata no Barroso,era uma autêntica festa colectiva.
Reunia-se, a família e os amigos.
Quem não podia ou tinha oportunidade de retornar os favores da "malhada", estes eram pagos, em um dia, a arrancar batatas.
Agora:
As famílias, são pouco numerosas.
A sociedade tornou-se muito competitiva.
É preciso trabalhar e produzir, com poucos recursos humanos, ... e de qualquer maneira.
O agricultor, deixou de ter brio nos "regos" bem feitos e direitinhos, no carro de estrume bem carregado,... e na junta de bovinos bem aparelhada.
Nestes tempos que correm vemos 3 ou 4 pessoas que fazem aquele trabalho que antes, era feito por autênticos ranchos de pessoal, alguns deles vindos até de fora.

1 Comentários:

Em setembro 19, 2008 4:57 da tarde, Anonymous Anónimo disse...

São estes, outros tempos e ou nos adaptamos ou então morremos.

 

Enviar um comentário

Links para este post:

Criar uma hiperligação

<< Início