domingo, agosto 29, 2010

Produção Florestal


Muitos destes camiões tem sido vistos em Montalegre.
Dirigem-se para sul.
Encaminhando a matéria prima, para transformação industrial.
Geram riqueza e criam postos de trabalho.

Isto seria uma imagem bem mais linda se de facto esta PRODUÇÃO, fosse mesmo oriunda daqui.

Pois temos baldios em abundância, e solo com boas características para tal.
Mas fruto do facilitismo e de uma grande inércia instalada nos últimos 35 anos, apenas produzimos mato para ser digerido pelos incêndios.
Os nossos vizinhos Espanhóis, a cerca de 10Km da fronteira, pensam diferente.
O produto do seu trabalho é este,... que nós temos que lhe comprar.
Nós, lamentamo-nos, não temos qualquer iniciativa, os nossos filhos emigram, os velhos ficam abandonados, o concelho desertifica, as escolas não tem alunos,... e toda a gente por cá, continua de braços cruzados.

1 Comentários:

Em outubro 02, 2010 6:09 da tarde, Blogger João Leal disse...

Muito bem observado.
Chega de lamúrias e de remeter para os outros insuficiências e erros que são nossos.
Se queremos ter um futuro e, talvez mais importante, se queremos dar um futuro à nossa terra, então ponhamos em prática as medidas adequadas (baseadas em estudos há muito tempo realizados).
O tempo para agir está a esgotar-se, pois brevemente o Barroso deixará de ter a massa crítica suficiente para se revitalizar; se assim acontecer, então, desgraçadamente, entrará em acelerada desertificação e num processo irreversível de encerramento e retirada de muitos dos serviços do Estado.

 

Enviar um comentário

Links para este post:

Criar uma hiperligação

<< Início